Águas de Teresina – tire a 2 via!

Se você é morador do município de Teresina, localizado no Piauí, saber como tirar a 2 via da conta da Águas de Teresina é essencial! A 2 via permite que você tenha a sua conta em dia e não tenha problemas com a distribuição de água na sua casa. 

De acordo com o site Direito2.com.br, a Águas de Teresina foi criada em 2010 trazendo água tratada para os moradores de Teresina. A cobrança é feita mensalmente, onde você recebe uma conta em sua casa e deve realizar o pagamento da mesma. 

Possuir água em casa é essencial para diversas coisas: consumo, banho, limpeza, lavar louça ou roupa, entre outros, ou seja, ter água é ter qualidade de vida – uma coisa que não podemos abrir mão.

Referente ao saneamento do nordeste, a Águas de Teresina abastece atualmente mais de 822.000 pessoas! Além disso, a empresa está investindo sempre em constantes melhorias para entregar um melhor serviço. 

Entre em contato com a Águas de Teresina

Eventualmente você terá alguma dúvida que somente a Águas de Teresina conseguirá solucionar e hoje, é possível mandar uma mensagem para a empresa no site oficial. Ao entrar no site, você deverá preencher as informações solicitadas e sua mensagem e deverá aguardar o retorno. 

Um outro meio de entrar em contato com a Águas de Teresina é pelo telefone! O número da central de atendimento é 0800 223 2000, existe também a possibilidade de discar o 115 para entrar em contato com a mesma. 

A central de atendimento da Águas de Teresina funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana, portanto, caso surjam dúvidas, entrar em contato é super fácil!

Tire a 2 via da sua conta e tenha todas as cobranças em dia – é muito importante ficar com a conta da água sem atrasos ou sem pagamentos!

Quando acontecem mais acidentes na estrada? Como prevenir?

É fácil assumir que deve ser no inverno que os maiores acidentes acontecem, principalmente no caso do detran sc ipva, mas a realidade é que entre os meses mais quentes ocorrem mais acidentes. Na verdade, 70,8% dos acidentes fatais de direção ocorrem em estradas secas.

Como isso é possível?

Embora seja verdade que dirigir em estradas com frio e chuva apresenta mais riscos do que dirigir em estradas secas, como você pode ler no ipva.inf.br isto é compensado pelo fato de que a relativa segurança das condições da estrada no verão faz com que muitos motoristas tenham uma falsa sensação de segurança, o que os leva a fazer más escolhas de direção que nunca fariam durante o inverno.

Durante os meses de verão é muito mais comum que os motoristas sejam carregados com excesso de velocidade de 50 km/h acima do limite.

Comprar um carro usado ou novo?

Outro fator é que condições mais claras significam que há mais motoristas na estrada – especialmente durante os longos finais de semana de verão. A combinação de mais veículos na estrada e mais motoristas descuidados ao volante leva inevitavelmente a mais colisões.

Estradas secas nem sempre significam condições de segurança

Só porque o caminho está livre, não significa que não haja riscos potenciais para os quais você precise se preparar e lidar. Durante os meses de verão, dois grandes fatores que contribuem para os acidentes são o brilho do sol e o nevoeiro/fumo, que ambos limitam a visibilidade.

Como lidar com a fumaça e a névoa

  • Não exagere nos faróis. Isso significa abrandar e poder parar dentro da distância que você pode ver à frente.
  • Preste atenção às condições das estradas. Névoa geralmente significa que você está lidando com condições de superfície molhada
  • Ligue todas as suas luzes externas, incluindo as luzes traseiras. Muitas vezes, o uso de luzes acesas durante o dia não acende seus faróis traseiros, portanto, certifique-se de que estejam acesas.
  • Usar faróis de feixe baixo ou faróis de neblina. É por isso que seu veículo os possuem.
  • Aumente sua distância de acompanhamento para compensar a falta de visibilidade
  • Nunca passe em fumaça ou neblina.
  • Nunca pare na estrada. Ao invés disso, encoste completamente na beirada da estrada em um local seguro. Em seguida, acenda suas luzes de alerta piscando.

Como lidar com o brilho do sol?

Mesmo em dias nublados, a luz do sol pode causar problemas aos motoristas. As melhores maneiras de lidar com esta questão são:

  • Seguir os limites de velocidade. O máximo não é uma sugestão, mas um limite rígido imposto para a segurança de todos – incluindo a sua
  • Fique pelo menos 4 ou 5 segundos longe de outros carros. Quanto mais próximo você estiver, menos tempo terá para reagir se eles tiverem que frear de repente.
  • Mantenha seu para-brisas em boas condições. Isso significa mantê-lo limpo e reparar lascas de rocha assim que você as notar
  • Usar óculos de sol
  • Não tenha medo de encostar se o sol estiver brilhando demais em seus olhos para que você possa dirigir com segurança

3 tipos diferentes de carro para você se inspirar!

Há diferentes tipos de carros no mercado, além de que você precisa saber como fazer o pagamento no ipva bradesco rj, e também há diferentes modelos de carros disponíveis.

Escolher um veículo é sempre difícil, ainda mais depois de ler matérias no ipva.inf.br, especialmente quando você está procurando um carro perfeito que se adapte a todas as suas necessidades, mais ainda as de sua família.

Os carros são definidos principalmente pela sua aparência. Muitos são definidos pelo estilo de sua carroceria, já que esta é a maneira mais fácil de categorizar um carro.

Comprar um carro usado ou novo? Veja aqui!

Os veículos são sempre categorizados em diferentes tipos. É por isso que é bom fazer pesquisas relevantes antes de comprar um.

Este artigo vai lhe dar alguns dicas sobre os nomes dos carros disponíveis, e suas formas.

Os carros sob este segmento são categorizados de acordo com a finalidade que servem. Eles incluem carros comerciais, carros familiares, carros exóticos, carros de corrida e carros esportivos.

Limusine

Estes tipos de carros são considerados como um dos carros mais luxuosos do mundo. Isto se deve ao seu grande comprimento e à divisória entre a traseira e a dianteira.

As limusines são frequentemente veículos de base longa, projetados para proporcionar salas extras para os passageiros.

Assim, ele tem características que são projetadas para atender a todas as necessidades glamorosas. Tem um exterior elegante e seu interior tem acessórios muito luxuosos, o que o torna o carro mais caro.

A limusine tem uma divisória que separa o motorista do compartimento do passageiro. A porção inclui uma seção de vidro que pode ser aberta e permite ao passageiro ver a rodovia.

SUV

Estes tipos de carros são projetados para viagens de longa distância. Ele tem uma altura de passeio alta e uma forma de carroceria diferenciada, tornando mais fácil para as pessoas olharem ao redor, e também oferece uma maior distância do solo.

Ele oferece uma posição de assento elevada, incluindo uma área de carga como a de um vagão que é acessada através de uma porta traseira rebatível e oferecem tração nas quatro rodas.

Os SUVs também utilizam um chassi de escada, que é encontrado principalmente em caminhões.

Estes SUVs têm um design exterior utilitário, tração nas quatro rodas e um chassi robusto que é emprestado de um caminhão leve comum.

Os SUVs são tipicamente de duas caixas de carroceria. Sua área do motor é na frente, seguida por uma cabine combinada de carga e passageiros.

Sedan

Sedans são carros que têm uma área de carga atrás de seus pilares traseiros. Possui uma configuração de 3 caixas: um espaço separado para motor, passageiro e carga, tornando-os especiais, e o carro mais popular do mundo.

Eles são mais adequados para o transporte e também melhores para uma família, pois tem uma cabine de passageiros bem projetada, com assentos confortáveis que são convenientes para os ocupantes e um grande porta-malas para armazenamento de bagagem.

Eles não possuem janelas de vidro na área de carga, portanto, a carga está protegida contra roubo.

Os carros Sedan são divididos em diferentes sub-categorias com base em seu estilo e tamanhos de carroceria.

Hatchback

Estes tipos de veículos são carros com uma porta traseira que levanta para cima e é articulada ao nível do teto para proporcionar um espaço de carga conveniente e são projetados para o transporte de grandes cargas.

O vidro traseiro é feito de vidro e o conteúdo da carga é exposto mas pode ser coberto por esteiras.

3 coisas para considerar antes de comprar seu veículo

Antes de fazer seu primeiro test drive, eis o que você precisa saber para garantir que o processo transcorra sem problemas, principalmente sobre o ipva 2022 go e que você obtenha o melhor negócio pelo seu dinheiro ou pela compra de um carro.

No mercado para um carro novo? Se você é como muitas pessoas, você pode estar entusiasmado com a perspectiva de um carro novo, como pode ser visto diretamente no site ipva.inf.br, mas ansioso com o processo de compra do carro.

Há algumas maneiras de se preparar antes de ir para a concessionária que podem ajudá-lo a economizar tempo e possivelmente dinheiro.

Aqui estão algumas coisas que você deve saber para ajudá-lo a estar preparado antes de pisar em um lote de concessionária de automóveis.

Veja aqui porque se tornar um entregador do ifood!

1. Saiba para qual taxa você está aprovado

Determinar como você vai financiar seu carro deve ser uma de suas principais prioridades antes de fazer sua seleção final de carro.

Na maioria dos casos, isso inclui duas opções: Você pode obter termos de financiamento antes do tempo (através de um banco ou instituição de empréstimo), ou obter financiamento na concessionária.

Se você optar por trabalhar com um banco ou instituição de empréstimo antes do tempo, você poderá economizar tempo na concessionária após negociar o preço do carro que você está interessado em comprar.

Se você explorar outras opções de financiamento, ter informações do empréstimo já em mãos não apenas melhora o processo, mas lhe dá um ponto de comparação, assim você saberá se seu empréstimo é a taxa mais baixa ou se há um negócio melhor lá fora.

Aqui estão alguns fatos-chave para saber se você está considerando um empréstimo para automóveis.

Quanto melhor for seu histórico de crédito, melhor será a taxa de juros que você receberá
Uma taxa percentual anual pode parecer atraente, mas os termos do empréstimo podem resultar em um pagamento mensal mais alto devido a um período de reembolso mais curto

2. Saiba quais fatores impactam seu pagamento

Não importa onde você escolher para obter seu financiamento, é importante entender como os termos de seu empréstimo impactam seu pagamento mensal e o custo total do empréstimo.

Por exemplo, algumas taxas tem um efeito relativamente pequeno nos pagamentos mensais. Na verdade, há dois outros insumos que têm uma influência maior:

O empréstimo e o pagamento de entrada: Um valor menor de empréstimo ou um valor maior de adiantamento pode diminuir seus pagamentos mensais.

O termo: Um prazo de reembolso mais longo pode reduzir os pagamentos mensais, mas você pode acabar pagando mais no total ao longo da vida do empréstimo

Saiba mais sobre como funcionam os empréstimos para automóveis ou use a calculadora de empréstimos específica para executar os números únicos para a sua situação.

3. Conheça os prós e os contras de do financiamento ou um desconto em dinheiro

Algumas concessionárias têm promoções que oferecem descontos em dinheiro ou financiamento sem juros para a compra de um veículo novo.

Embora estas ofertas possam parecer atraentes, é importante pesar primeiro seus prós e contras. Às vezes, um desconto em dinheiro combinado com um empréstimo automobilístico de baixa taxa pode ser uma opção mais inteligente em comparação com o financiamento.

Um desconto em dinheiro usado para reduzir o custo total do veículo pode reduzir o valor do empréstimo, resultando em economias ao longo da vida útil do empréstimo.

Comprar um carro novo ou usado: o que levar em consideração?

Como saberei quando comprar um carro novo, além do valor do https://ipva.inf.br/ipva-detran-rj/? Essa é uma pergunta que muitas pessoas se fazem todos os anos.

São mais de 150 milhões carros vendidos no mundo nos últimos três anos antes da pandemia da COVID-19 e a dúvida crucial é se ele é novo ou usado, conforme dados que você pode verificar no ipva.inf.br.

Mais de 32 milhões de carros a cada ano – cerca de 17 milhões novos e 15 milhões usados antes da COVID-19 – eram de concessionárias franqueadas, com outros 25 milhões de vendedores não franqueados, incluindo pessoas físicas.

Veja aqui informações completas sobre o IPVA DETRAN PE!

Mas, saber como eles decidiram se comprariam outro veículo poderia ajudá-lo a responder à pergunta por si mesmo.

Existem outras razões, é claro, que vão desde a nova tecnologia até a mudança de estilo de vida, situação financeira mais estabilizada ou simplesmente querer algo diferente para dirigir.

Duas coisas sobre as quais os especialistas em automóveis e finanças parecem concordar em geral é que pode ser a hora de comprar outro veículo quando o custo de manutenção, conserto, seguro e/ou operação de seu veículo se tornar mais do que vale ou quando a segurança se tornar um problema.

Custos de conserto e manutenção

Por exemplo, a manutenção total em um veículo de muitos quilômetros é de cerca de R$ 5.000 por ano, com base em dados de várias fontes.

Mas você provavelmente não gastaria R$ 5.000 por ano em reparos em um veículo de valor inferior a isso.

Esses R$5.000 são cerca de R$3.600 por ano a mais do que o típico veículo de baixa quilometragem – aproximadamente o equivalente a alguns meses de pagamentos de R$400 ou um forte adiantamento.

Isso é suficiente para comprar um veículo novo ou usado de R$19.370 financiado a 10% de juros durante 48 meses, com base na calculadora de acessibilidade econômica de alguns bancos online.

O dobro do adiantamento ou empréstimo por 60 meses e você poderia comprar um veículo novo ou usado que custasse outros R$3.000 a R$3.500.

Naturalmente, quanto maiores os custos de reparo, mais sentido faz você investir em um veículo mais novo, embora a matemática mude se você mesmo estiver fazendo grande parte do trabalho de reparo.

Uma boa regra geral a ser usada se você estiver considerando comprar outro veículo é que “se seu mecânico está passando mais tempo com seu carro do que você, e suas contas de reparo estão próximas dos pagamentos de carros novos, provavelmente é hora de negociar um novo modelo de veículo.

As marcas da tecnologia

Você também tem que pensar em todos os avanços tecnológicos que ocorreram desde que você comprou seu carro e se ele tem algo próximo da média de 11,5 anos de idade.

Tão rapidamente quanto a tecnologia está mudando, seu veículo atual não terá as últimas – ou possivelmente até mesmo recentes – características de segurança e conveniência se tiver sequer a metade dessa média de idade de 11,5 anos. Mesmo carros confiáveis acabam ficando atrás da curva tecnológica.

Você deve comprar um carro novo ou relativamente recente agora se seu modelo atual não tiver pelo menos uma câmera traseira, airbags de cortina, controle eletrônico de estabilidade e aviso de colisão frontal.

Pedido mínimo da DeMillus – Qual é o valor?

Quer trabalhar como revendedor Demillus, mas ainda tem algumas dúvidas? Já se perguntou qual é o valor do pedido mínimo da Demillus? Saiba que esse é um dos pontos mais pesquisados quando alguém decide trabalhar com revenda de produtos.

demillus

O pedido mínimo na Demillus é de R$ 170 – valor válido para todo o Brasil. Por isso, para quem estiver iniciando como revendedor deve também levar em consideração o valor do frete para alcançar esse valor.

Acima de R$ 170, você já pode fazer seu investimento inicial para revender Demillus. Não há obrigatoriedade de compra de kit inicial, mas não esqueça que ele possui um material de suporte incrível para quem está começando!

O kit inicial tem um valor de R$ 204 e é composto por: bolsa exclusiva, talão de negócios, embalagens, kit de 5 revistas, placa Demillus, sutiãs, calcinhas, biquínis, bermuda modeladora, cuecas, entre outros itens!

Signo de Leão no amor – Como se comporta?

O signo pode influenciar em vários âmbitos de nossa vida, por isso se você é leonino já deve ter se perguntado “Como é o signo de Leão no amor?”, não é mesmo?

Como o portal Signos Datas explicou, o signo de Leão é regido pelo elemento do Fogo, por isso é comum que tais nativos sejam espontâneos. No amor, eles são ótimas companhias, pois transmitem carisma, animação e positividade.

O relacionamento com um leonino é bastante intenso, mas tome cuidado se você quiser investir em uma relação com esse signo e atrair um homem de Leão, por exemplo: pode ocorrer atrito se você tiver personalidade forte, pois Leão é conhecido por seu egocentrismo. 

Tanto leoninos quanto leoninas possuem um desejo grande e são difíceis de serem saciados, então se você se garante na criatividade e vigor, vá em frente. 

O signo de Leão também é um signo aventureiro, por isso ele gosta de novas experiências com frequência.

signo leão

Saiba aqui como funciona o verbo to be de forma resumida

Quando se inicia os estudos em inglês, logo nos deparamos com várias diferenças entre o idioma e o português. Por isso, aqui você confere como funciona o verbo to be de uma forma resumida e facilitada.

O verbo to be, geralmente, é o primeiro verbo ensinado nas escolas, afinal ele estabelece a relação “ser/estar”.

verbo to be

A conjugação se estabelece da seguinte maneira, quando tratamos do presente simples:

  • I am
  • He/she/it is
  • We/You/They are

Saiba que o verbo to be é irregular, ou seja, sua estrutura irá se alterar conforme o tempo verbal. Por isso, no passado simples, por exemplo, a estruturação fica: was (para I, she, he e it) e were (para you, they e we). No futuro, usa-se will

O uso do verbo to be só será entendido totalmente por você através da prática.

Porque se tornar um entregador da iFood? Veja aqui!

Antes da COVID-19, a economia on-demand desencadeada por Uber, Netflix e Amazon Prime já havia iniciado sua expansão para a indústria da restauração. Os consumidores queriam conveniência em todos os aspectos de suas vidas, inclusive na alimentação, como é o caso da iFood entregador.

No novo mundo pós-COVID, essa demanda por conveniência alimentar aumentou – tanto por necessidade (ou seja, pedidos de abrigo no local) como porque tantas marcas estão pulando na faixa dos serviços de entrega de alimentos. Para disponibilizar este serviço aos clientes, os restaurantes estão confiando em fornecedores de entrega terceirizados ou criando seus próprios com um sistema de pedidos on-line.

Como cada vez mais salas de jantar são autorizadas a reabrir em toda a América do Norte, é provável que a demanda de entrega seja afetada. Mas por quanto tempo? Quantas pessoas ainda preferirão encomendar comida e recebê-la em vez de jantar? Isso significa que oferecer um serviço de entrega ainda vale o investimento de tempo e recursos?

Porque se tornar um entregador da iFood? Veja aqui!

Como todos os restaurantes são diferentes e atendem clientes diferentes, não há uma resposta de tamanho único.

Estamos colocando todos os fatores para você, para que você possa decidir se tornar-se ou não um restaurante com serviço de entrega é a decisão certa para o seu negócio.

Neste guia de entrega de alimentos, você aprenderá:

Ao final deste artigo, você será capaz de tomar uma decisão informada sobre o melhor serviço de entrega de alimentos para seu restaurante, mesmo no clima atual.

Tendências de Entrega de Alimentos

De acordo com dados do governo, os pedidos de entrega de alimentos representaram grande porcentagem das vendas dos restaurantes nos EUA em 2020. Durante os próximos anos, vimos o número de pessoas de casa que pediam entrega e comida aumentar constantemente. E, com as pessoas obrigadas a ficar em casa devido à COVID-19, esses números saltaram novamente.

Muito se informou que os brasileiros que encomendam comida para fora passaram de 19% em fevereiro para 22% em março e abril. Como resultado, os motoristas de aplicativos de entrega têm estado mais ocupados do que nunca, tentando acompanhar o aumento das encomendas.

Em um relatório – divulgado no início de 2020 antes da pandemia – se mostrou restaurantes que ofereciam pedidos online conduzidos entre 11% e 30% de seus negócios desta forma e tinham visto um aumento de 11% a 20% nas vendas em média.

Isto significa que, mesmo com a normalização da economia, é provável que uma grande parte dos negócios de seu restaurante ainda possa vir de pedidos on-line, um fluxo de receita que oferece oportunidades para aumentar o tamanho dos cheques e as vendas – desde que você consiga manter o volume em alta.

Agora, é claro, nem todo sistema de pedidos on-line de restaurantes é o mesmo. Enquanto alguns restaurantes estão confiando em aplicativos de terceiros tanto para a recepção quanto para a entrega (alto volume e taxas mais altas), outros estão optando por um sistema de pedidos online interno ou direto (volume potencialmente mais baixo, mas baixo ou sem taxas).

Se você não está fazendo nenhum dos dois, você está perdendo um fluxo de receita crescente – um fluxo que não está mostrando sinais de desaceleração. Seu primeiro passo é analisar suas opções e descobrir o que funciona melhor para seu negócio.

Fies: Como conseguir sua vaga? Entenda aqui

O Fies é mais um daqueles programas do Governo Federal que tem como objetivo principal proporcionar acesso ao ensino superior para pessoas que não tenham condições de fazer o pagamento total das mensalidades. Será que você pode ter acesso ao Fies?

É uma opção interessante para as pessoas que por algum motivo não conseguiram aprovação para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) ou para o Programa Universidade para Todos (Prouni), diferente deles, no Fies o acadêmico precisará pagar pelo curso.

O que é o Fies

Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior, conhecido popularmente como Fies, é um programa criado em 1999 pelo Ministério da Educação (MEC). O Fies oportuniza que interessados em estudar tenham uma oportunidade em faculdades privadas, pagando uma taxa mensal para utilizar o sistema, mas amortizando o restante dos pagamentos só depois de formado.

Existem alguns requisitos para que você faça parte e tenha acesso ao Fies, como:

– Não ter concluído curso superior;

– Possui renda familiar mensal bruta, por pessoa, de até três salários mínimos;

– Participou de alguma das edições do Enem a partir de 2010;

– Obteve, pelo menos, 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação.

Todos os anos milhares de pessoas buscam a inscrição do Fies, para realizarem o sonho de estudar.

Como se inscrever

Para ter acesso ao Financiamento Estudantil é preciso fazer um cadastro pela internet. O procedimento é muito simples, basta que você esteja enquadrado nas características exigidas pelo sistema. Confira o que você deve fazer:

– Acesse o site de inscrições do Fies; https://fiesselecaoaluno.mec.gov.br/usuario-login

– Vá em “Primeiro acesso? Clique aqui.” e faça o seu cadastro;

– Se já possui cadastro, preencha o CPF e a senha, marque a caixinha e clique em “Entrar”;

– Então você será informado se a sua nota permite participação no processo. Clique em “Prosseguir”;

– Preencha as informações exigidas no cadastro;

– Faça a confirmação pelo e-mail que será enviado ao endereço escolhido;

– Preencha corretamente os seus dados cadastrais;

– Em seguida, será o momento de um questionário. Por fim, clique em “gravar e prosseguir”;

– Informe a sua renda bruta individual;

– Preencha informações sobre seu grupo familiar;

– Selecione o seu Grupo de Preferência;

– Informe o seu estado, município e o curso pretendido;

– Então será o momento de escolher até 3 opções de cursos;

– É possível usar uma lupa para filtrar o curso ou a instituição desejados;

– Escolha uma das opção, então será levado para a página do curso;

– Confira os seus dados e digite o código de verificação, concluindo a inscrição.

Como solicitar aditamento

O procedimento de renovação do Fies é conhecido como aditamento. Existem dois modelos, o simplificado e o não simplificado. O primeiro acontece quando não existe nenhuma alteração para ser feita nas cláusulas do contrato de financiamento, já o segundo acontece quando existe alguma mudança. Veja como fazer:

– Acesse o site do SisFies; http://sisfiesaluno.mec.gov.br/seguranca/principal

– Preencha dos dados solicitados.

Se as informações não estiverem corretas, então o estudante deverá procurar a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA).

Como consultar resultado

Infelizmente nem todas as pessoas que fazem a inscrição para o Fies conseguem aprovação no cadastro, por isso é importante saber como consultar o resultado:

– Acesse a página oficial do Fies; https://fiesselecaoaluno.mec.gov.br/usuario-login

– Faça o login com senha e e-mail cadastrados;

Outra alternativa é procurar a instituição de ensino onde fez o cadastro, para conferir se foi aprovado ou não.

Na modalidade de juro zero, aqueles que não tiveram o pedido deferido serão inclusos na lista de espera.

Os aprovados pelo P-Fies deve conferir o resultado com os agentes financeiros operadores de crédito. E não esqueça de conferir os trâmites junto as instituições de ensino superior.

Como emitir o boleto do Fies

Passado todo o processo de cadastro do Fies, já com a bolsa de estudos conquistada e a possibilidade de fazer um curso superior, é preciso começar a emitir os boletos. Existem dois tipos:

– Modalidade I do Fies (para renda de até 3 salários mínimos): taxas bancárias e seguro de vida;

– Modalidades II e III do Fies (para renda de até 5 salários mínimos): taxas mais juros e seguro de vida.

Depois de formado, haverá um prazo de carência e a partir disso será o momento para pagar pelo financiamento. As parcelas podem ser quitadas dentro de 14 anos.

E se você precisa emitir a segunda vida do boleto, deve fazer isso:

– Acesse a página da Caixa; https://www3.caixa.gov.br/fies/asp/boleto/boletoonline2.asp

– Informe seu CPF, data de nascimento e Código Verificador;

– Clique em “INICIAR OPERAÇÃO”.

Pronto, terá acesso ao documento atualizado para a realização do pagamento.

Como cancelar o Fies

O Fies é uma boa alternativa para conseguir pagar a faculdade e confirmar uma profissão, o que pode mudar a sua perspectiva de vida. Só que algo de novidade poderá acabar surgindo e então aparece a necessidade de cancelar o Fies. Se os seus planos mudaram, veja o que deve ser feito:

– Acesse o site do SisFies; http://sisfiesaluno.mec.gov.br/seguranca/principal

– Informe o seu CPF e a senha;

– Clique em “Encerramento”, alternativa que fica no centro da tela;

– Vá em “Aditamentos Disponíveis”;

– Clique em semestre disponível, em “Referência;

– Selecione uma das opções para encerramento;

– Confirme a alternativa escolhida para pagar as parcelas restantes.

Se você ainda está pensando em fazer uma graduação, mas não tem grana para pagar as mensalidades na íntegra, o Fies é uma ótima escolha. Siga o cronograma de maneira correta, faça a sua inscrição e realize os outros procedimentos. Para fechar, boas aulas!